domingo, 16 de julho de 2017

Bahia e Avaí empatam e seguem ameaçados de rebaixamento

Gazeta Esportiva - Bahia e Avaí conquistaram apenas mais um ponto na luta que travam contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. As equipes dirigidas por Jorginho e Claudinei Oliveira empataram por 1 a 1 na noite deste domingo, em Pituaçu, com gols de Renê Júnior e Júnior Dutra no segundo tempo.

A situação do Bahia na tabela de classificação é um pouco melhor, já que soma 16 pontos e está fora da zona de rebaixamento. O Avaí totaliza 13, à frente apenas de São Paulo (12), Vitória (12) e Atlético-GO (8).



Os dois times tentarão voltar a vencer na quarta-feira. Enquanto o Bahia visitará o Atlético-MG no Independência, o Avaí retornará à Ressacada para receber o líder do campeonato, o Corinthians.

O jogo – Contando com o apoio de sua torcida, o Bahia tentou propor o jogo desde os primeiros minutos diante do Avaí, que, em situação complicada na tabela de classificação, não se dava ao luxo de apenas se defender em Pituaçu.

A mais empolgante oportunidade de gol do primeiro tempo, contudo, foi mesmo do time mandante. Aos 29 minutos, Eduardo fez o que quis com o seu marcador na ponta direita e cruzou. Dentro da área, o argentino Allione concluiu bonito, de letra, e acertou a trave.

O técnico Jorginho esperava ainda mais do Bahia. A sua equipe retornou para o segundo tempo com Vinícius e Gustavo Ferrareis nos lugares de Régis e Allione e alcançou mais de 60% posse de bola, passando a envolver o Avaí.

O gol amadureceu. Aos 29 minutos, após Stiven Mendoza ser substituído por Junior Brumado, o Bahia contou com uma grande jogada individual de Renê Júnior para abrir o placar. O jogador tabelou com Vinícius ao avançar dentro da área, ajeitou a bola com a cabeça e finalizou para a rede antes de ser ovacionado pelos torcedores do Bahia.

Agora em desvantagem no marcador, o Avaí foi obrigado a se soltar. O técnico Claudinei Oliveira, que já havia sacado o camaronês Joel para a entrada de Willians, trocou também Lucas Otávio por Lourenço.

E, embora o Bahia tenha continuado com ímpeto ofensivo, o Avaí chegou ao empate. Aos 37 minutos, o goleiro Jean saiu mal do gol em uma cobrança de escanteio, e Júnior Dutra emendou de bicicleta na pequena área. A bola desviou em Rômulo e entrou.

Nos minutos finais, os esforços de Bahia e Avaí para desempatar o jogo foram em vão. A torcida da casa ficou frustrada. Ao apito final do árbitro Eduardo Valadão, ouviram-se vaias e gritos de “burro” direcionados a Jorginho.

FICHA TÉCNICA
BAHIA 1 X 1 AVAÍ

Local: Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA)
Data: 16 de julho de 2017, domingo
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
Cartões amarelos: Renê Júnior e Feijão (Bahia)
Gols: BAHIA: Renê Júnior, aos 29 minutos do segundo tempo; AVAÍ: Júnior Dutra, aos 37 minutos do segundo tempo

BAHIA: Jean; Eduardo, Éder, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Matheus Sales, Renê Júnior, Allione (Gustavo Ferrareis), Régis (Vinícius) e Stiven Mendoza (Junior Brumado); João Paulo
Técnico: Jorginho

AVAÍ: Douglas Friedrich; Leandro Silva, Fagner Alemão, Betão e Capa; Lucas Otávio (Lourenço), Wellington Simião e Pedro Castro; Júnior Dutra, Joel (Willians) e Rômulo (João Paulo)
Técnico: Claudinei Oliveira


texto

Nenhum comentário:

LEIA TAMBÉM